//Programa SBIR da NASA seleciona Continuous Composites para fabricação de estruturas por AM
programa

Programa SBIR da NASA seleciona Continuous Composites para fabricação de estruturas por AM

A Continuous Composites, uma empresa de tecnologia de impressão 3D composta avançada, foi selecionada pelo Programa de Pesquisa de Inovação em Pequenas Empresas (SBIR) da NASA para fabricar aditivamente estruturas compostas de isogrid abertas de baixo coeficiente de expansão térmica (CTE) para aplicações espaciais, usando sua impressão 3D de fibra contínua patenteada (CF3D).

No espaço, a temperatura dos objetos que orbitam a Terra muda drasticamente quando no lado escuro da Terra em comparação com o lado claro. Portanto, objetos de precisão, como satélites e bancos ópticos, exigem CTE de baixo a zero para evitar deformação ou distorção da expansão e contração devido às mudanças de temperatura.

programa
Fonte:)https://www.3dprintingmedia.network)

Conhecendo o ganhador do programa

A Continuous Composites diz que este prêmio da NASA demonstrará a direção robótica avançada do CF3D de cabos de fibra de carbono individuais e contínuos para imprimir e testar uma estrutura plana de costela isogrid aberta de 1,6 x 3,3 pés – com um CTE baixo. Estruturas isogrid impressas em CF3D podem ser depositadas em uma superfície de suporte de muitas formas diferentes (incluindo plana, cilíndrica, esférica, cônica, etc). A peça resultante pode ser otimizada para a resistência e rigidez desejadas, dependendo das cargas de lançamento e espaço.

programa
Fonte:(https://www.3dprintingmedia.network)

A Continuous Composites foi selecionada pelo uso do CF3D de reforço contínuo de fibra, fotopolímeros de cura instantânea e robótica avançada que permite a fabricação de estruturas compostas que são impraticáveis ​​de produzir com métodos tradicionais de fabricação – com mais eficiência e custos reduzidos. Uma dessas estruturas é essa estrutura de costela isogrid aberta, observa a empresa, que tem aplicações em muitos setores, incluindo espaço e aeroespacial.

programa
Fonte:(https://www.3dprintingmedia.network)

“Dada minha experiência em design de compósitos para aplicações espaciais, estou animado para demonstrar nossos recursos exclusivos de direção de fibra para este projeto da NASA. Esta isogrid impressa terá pouco a zero CTE, que é o objetivo para esses tipos de estruturas espaciais”, disse John Brendel, engenheiro de aplicação e POC técnico neste SBIR da NASA. “Este contrato se baseia no trabalho que temos feito no DOD [Departamento de Defesa] e no setor aeroespacial comercial, e estamos empolgados em apresentar nossas capacidades à indústria espacial.” 

Conclusão

O uso da AM na indústria aeroespacial vem se tornando cada vez mais comum, e a aplicação dessa tecnologia para obtenção de materiais de baixo CTE prova isso. Sem dúvidas o projeto da Continuous Composites apenas reforça isso, para saber mais sobre o projeto e conhecer a tecnologia CF3D acesse o site.

Para continuar por dentro das principais novidades do mundo da impressão 3D acesse o nosso site.