Gasolina produzida com CO2 em planta-piloto

CO2 vira gasolina

Em 2017, uma equipe do Laboratório Nacional Dalian para Energia Limpa, na China, propôs uma técnica de hidrogenação do dióxido de carbono (CO2) que permite gerar gasolina diretamente do gás de efeito estufa.

Ao contrário de muitas outras propostas de conversão do CO2 em combustíveis líquidos, esta se mostrou tão promissora que a Academia Chinesa de Ciências financiou prontamente a construção de uma unidade piloto para testar a tecnologia.

gasolina
Fonte:(https://www.inovacaotecnologica.com.br)

Agora, a planta-piloto acaba de completar um ano de testes, tendo alcançado a marca de 1.000 toneladas por ano de gasolina produzida a partir do gás carbônico.

“Esta tecnologia marca um novo estágio da tecnologia de utilização de recursos de CO2 no mundo e fornece uma nova estratégia para atingir a meta de neutralidade de carbono,” disse o professor Sun Jian, coordenador da equipe que desenvolveu a tecnologia.

Catalisador multifuncional

A hidrogenação de CO2 em combustíveis líquidos e produtos químicos pode não apenas lidar com o problema do excesso de dióxido de carbono liberado na atmosfera, como também facilitar o armazenamento e o transporte de energia renovável.

Neste último caso, o processo pode ser alimentado com energias renováveis intermitentes, como solar e eólica, e o produto ser utilizado para gerar eletricidade e alimentar a rede à noite ou quando não houver ventos.

gasolina
Fonte:(https://www.inovacaotecnologica.com.br)

No entanto, a ativação e a conversão seletiva do CO2 têm-se mostrado dois problemas mais difíceis de enfrentar do que se acreditava.

A equipe do professor Jian encontrou uma solução em um catalisador à base de ferro (Na-Fe3O4/HZSM-5) que se mostrou incrivelmente eficiente e estável: O catalisador multifuncional realiza a conversão tanto do CO2 quanto do H2 com uma eficiência de 95% e seletividade para a gasolina de 85%, tudo em condições similares às usadas na indústria.

Com o bom desempenho da planta-piloto, o próximo passo será usar o processo em escala industrial.

Conclusão

A descoberta é uma maneira não só de reduzir o consumo de petróleo para a produção de gasolina como, também, de aumentar a produção de energia limpa tendo como matéria prima um resíduo altamente poluente e de fácil obtenção na sociedade atual. O projeto já começa a ganhar mais robustez e muito em breve poderá ser utilizado dentro da indústria para saber mais sobre a pesquisa acesse o site.

Para continuar por dentro das principais notícias do mundo da engenharia acesse o nosso site.

categoria(s):

Marcus Figueiredo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima
× Como posso te ajudar?