Startup desembarca nos Estados Unidos com solução em IA para indústrias

COGTIVE, desenvolvedora de software para aumento de produtividade das indústrias de manufatura, através de inteligência artificial e internet das coisas, abre escritório em Chicago para atender mercado norte-americano

O movimento mais comum no mercado de desenvolvedoras de tecnologias da informação é o surgimento de negócios nos Estados Unidos, e que depois se expandem para o mundo. Mas uma startup brasileira, a COGTIVE, mostra que é possível inverter essa lógica. A empresa, que nasceu em Anápolis (GO) e hoje tem sede no hub Cubo, na cidade de São Paulo, está se instalando em Chicago, para conquistar clientes norte-americanos.

De acordo com estudos inéditos elaborados pela COGTIVE, o potencial oculto de produtividade na indústria de manufatura nos Estados Unidos ultrapassa os US$ 750 bilhões, em comparação com a marca de US$ 100 bilhões no Brasil.

Com uma solução SaaS (Software as a Service, ou software como um serviço, em tradução livre), voltada ao chão de fábrica, isto é, às linhas de produção da indústria, em especial a de manufatura, utilizando recursos de inteligência artificial e IoTs (internet das coisas), a solução proporcionará aos gestores industriais o acompanhamento em tempo real de todo o processo fabril, permitindo explorar esse potencial oculto.

startup
Reginaldo Ribeiro [ao centro], um dos fundadores da COGTIVE, ao lado de Cândido Ouro Preto e Ricardo Borgatti Neto

Isso porque, também em tempo real, há coleta de dados de forma precisa e prática do trabalho nas linhas de produção, bem como o monitoramento de sua operação. Dessa forma, previnem-se interrupções, detectam-se gargalos e identificam-se oportunidades, fornecendo subsídios para que os gestores tomem decisões rápidas e eficazes. Entre os benefícios, estão os ganhos de produtividade e impactos positivos aos resultados da fábrica.

Todos esses atributos do software fizeram a COGTIVE vencer, em outubro, a Pitch LTNtech. A competição de pitch (apresentação de projetos a investidores) é realizada em Michigan, nos Estados Unidos, pela 1871, uma das principais aceleradoras de startups do país norte-americano.

“A conquista, além de um prêmio em dinheiro para impulsionar investimentos (US$ 15 mil), abriu portas para a COGTIVE se instalar no próprio hub de inovação da 1871, em Chicago”, conta o CEO da startup brasileira, Reginaldo Ribeiro, um dos fundadores da COGTIVE, ao lado de Cândido Ouro Preto e Ricardo Borgatti Neto.

SEGMENTOS ATENDIDOS

O leque de segmentos industriais atendidos pelo software da COGTIVE é amplo. Inclui farmacêuticas, fábricas de cosméticos, de alimentos e bebidas, de roupas, indústria química e de plástico, eletrônica e automobilística.

A prospecção de clientes e as negociações para fechar contratos no mercado norte-americano já começaram. “Inicialmente, o foco são empresas instaladas nos Estados Unidos mesmo”, adianta Ribeiro.

O desembarque em Chicago é mais um passo da COGTIVE em sua expansão internacional. Também neste ano, a startup brasileira fechou o fornecimento de seu software a uma multinacional especializada em medicamentos genéricos, para plantas no Oriente Médio.

“A conquista do curso de pitch [Pitch LTNtech] e a abertura de nosso escritório nos Estados Unidos coroam 2022 e projetam um 2023 ainda mais promissor”, vislumbra Ribeiro.

Para continuar por dentro das principais notícias do mundo da indústria acesse o nosso site.

categoria(s):

Marcus Figueiredo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to Top
× Como posso te ajudar?