Theta Technologies testa peças impressas mais complexas com NLA

A Theta Technologies, sediada no Reino Unido, é especialista em testes não destrutivos e especializada particularmente em um novo tipo de processo de teste chamado de acústica não linear (NLA). A tecnologia usa frequências audíveis e de ultrassom para detectar quaisquer inconsistências ou defeitos de forma rápida e econômica em peças impressas em 3D. Atualmente, a empresa está se preparando para lançar seu primeiro produto NLA no mercado, o RD1-TT, e está dando aos fabricantes de AM a oportunidade de testar seu novo processo.

theta
Fonte:(https://www.3dprintingmedia.network)

A empresa lançou uma campanha exclusiva para dar aos usuários de manufatura aditiva uma visão em primeira mão de seu novo processo de teste. Como parte da campanha, a Theta Technologies testará as peças mais complexas que as empresas enviam* para demonstrar como sua máquina RD1-TT é mais precisa, eficiente e acessível do que os processos convencionais de END. Clique aqui para participar da campanha.

O que é teste acústico não linear?

A tecnologia NLA patenteada da Theta Technologies aproveita o fato de que cada peça impressa possui uma assinatura acústica exclusiva. O material, o tamanho e a geometria da peça influenciam no que é essa assinatura. O NLA funciona expondo a peça às frequências de ultrassom e medindo a resposta. Como o CTO da Theta, James Watts, explicou ao 3dpbm em uma entrevista recente : “Nós exploramos o fato de que a assinatura acústica de um componente defeituoso muda à medida que mudamos a excitação, enquanto a assinatura de uma amostra sem falhas permanece inalterada. Podemos, assim, detectar a resposta não linear de uma falha na amostra.”

theta
Fonte:(https://www.3dprintingmedia.network)

O NLA também foi projetado para ser fácil de usar. O próximo sistema, por exemplo, pode detectar rapidamente a presença de rachaduras, delaminação e fluência em uma peça impressa em 3D. “A Theta Technologies fornece resultados precisos de aprovação/reprovação em questão de segundos, aumentando drasticamente a eficiência dos processos de produção de manufatura aditiva de metal”, explica a empresa. “Nossas soluções de END são tão simples de operar que os testes podem ocorrer sem a presença de operadores altamente qualificados; ajudando a reduzir custos no processo.”

Embora o método de teste não destrutivo não tenha sido projetado especificamente para manufatura aditiva, ele combina bem com o processo. Isso ocorre porque o NLA permanece consistentemente eficaz, não importa quão complexa seja a geometria da peça. Também é mais seguro e fácil de usar do que outros métodos de END que funcionam bem para peças complexas, como tomografias computadorizadas de raios-X.

“Vemos que a adoção da AM em processos críticos de fabricação é dificultada pela dificuldade de validar os componentes antes do uso. Em alguns casos, acreditamos que os componentes são projetados para se parecerem muito com componentes fabricados convencionalmente, simplesmente para permitir que sejam inspecionados com mais facilidade. Vemos que a indústria de AM, juntamente com um END rápido e eficaz, pode responder a esses medos e permitir que o AM seja usado muito mais amplamente em aplicações onde não teria sido considerado anteriormente.”

RD1-TT será lançado em breve

O primeiro sistema NLA comercial da Theta Technologies, o RD1-TT, será lançado em breve. Para saber mais sobre a tecnologia e até mesmo testá-la, cadastre-se na Theta Technologies .

A Theta Technologies se apresentará na próxima exposição TCT 3Sixty em Birmingham HEC nos dias 8 e 9 de junho de 2022. Sinta-se à vontade para visitá-los no estande G12 para ver o novo equipamento NDT em primeira mão e descobrir como ele pode aprimorar seu fluxo de trabalho de produção AM. Para saber mais sobre a tecnologia da Theta acesse o site.

Para continuar por dentro das principais novidades do mundo da manufatura aditiva acesse o nosso site.

categoria(s):

Marcus Figueiredo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima
× Como posso te ajudar?